Natural de Seia onde nasceu a 6 de Março de 1871, Afonso Costa doutorou-se em Direito na Universidade de Coimbra. Orador de fibra e homem de convicções, desde cedo se impôs na vida política. Em si fervia uma paixão desmesurada pelo republicanismo influenciado pelos ideais maçónicos e anti-clericais.

Ainda durante o período da Monarquia afirmou-se como uma das mais importantes figuras do Partido Republicano. Já no período da República foi Ministro da Justiça durante o mandato do governo Provisório e Primeiro-ministro em três governos.

Corajoso e determinado, Afonso Costa criou as condições básicas para um Estado laico, embora o seu espírito jacobino seja hoje visto como um dos factores que mais contribuíram para a instabilidade política que se viveu na I República.

Afastado pelo golpe de Sidónio Pais em 1917, Afonso Costa ficou para a História como um dos políticos mais radicais da I República que defenderam sempre o republicanismo genuíno e popular.

Bibliografia Consultada

Autoria: Tiago Oliveira

(1871-1937)

[ CITI ]