Bibliografia

Livros de Poesia

"Adolescente". Lisboa, ed.do Autor, 1942.

"Pureza". Lisboa, Livraria Francesa, 1945.

"As Mãos e os Frutos".Lisboa, Portugália, 1948.

"Os Amantes sem Dinheiro". Lisboa, Centro Bibliográfico, 1950.

"As Palavras Interditas". Lisboa, Centro Bibliográfico, 1951.

"Até Amanhã". Lisboa, Guimarães Editores, 1956.

"Coração do Dia". Lisboa, Iniciativas Editoriais, 1958.

"Mar de Setembro".1961.

"Ostinato Rigore". Lisboa, Guimarães Editores, 1964.

"Obscuro Domínio". Porto, Editorial Inova, 1971.

"Véspera da Água". Porto, Editorial Inova, 1973.

"Escrita da Terra e Outros Epitáfios". Porto, Editorial Inova, 1974.

"Limiar dos Pássaros". Porto, Limiar, 1976

"Memória Doutro Rio". Porto, Limiar, 1978.

"Matéria Solar". Porto, Limiar, 1980

"O Peso da Sombra". Porto, Limiar, 1982.

"Branco no Branco". Porto, Limiar, 1984.

"Aquela Nuvem e Outras". Porto, Edições Asa, 1986.

"Contra a Obscuridade". Lisboa, Círculo de Leitores.

"Vertentes do Olhar". Porto, Limiar, 1987.

"O Outro Nome da Terra".

"Rente ao Dizer"

"Homenagens e Outros Epitáfios"

"Ofício de Paciência"

"Antologia Breve"

"O Sal da Língua". Porto, Fundação Eugénio de Andrade, 1995.

 

Livros de Prosa

"Os Afluentes do Silêncio". Porto, Editorial Inova, 1968.

"História da Égua Branca". Porto, Edições Asa, 1976.

"Rosto Precário". Porto, Limiar, 1979.

"À Sombra da Memória".

 

Obras Colectivas de Poesia e de Poesia e Prosa

"Poemas". Lisboa, Portugália Editora, 1966.

"Obra de Eugénio de Andrade". Porto, Editorial Inova, 1973-1974.

"Obra de Eugénio de Andrade". Porto, Limiar, 1977-

"Poesia e Prosa". (1940-1979), 2 vols., Lisboa, Casa da Moeda, 1980.

"Poesia e Prosa". (1940-1980), Porto, Limiar, 1981.

"Poesia e Prosa". (1940-1986), 3 vols.,Lisboa, Círculo de Leitores, 1987.

 

Antologias de Poesia

"Antologia" (1945-1961). Lisboa, Delfos, 1961.

"Antologia Breve". Porto, Editorial Nova, 1972.

"Chuva sobre o Rosto". Porto, Editorial Nova, 1976.

"Primeiros Poemas". Porto, Editorial Nova, 1977.

"Poesia em Verso e Prosa". Lisboa, Círculo de Leitores, 1980.

"Coração Habitado", Porto, O Oiro do Dia, 1983.

 

Plaquetas e Edições Avulsas

A) De Poesia:

"Eros de Passagem". Porto, Editorial Nova, 1968.

"Limiar dos Pássaros". Suplemento da revista "Nova" nº1, Inverno de 1975-1976.

"Requiem para Pier Paolo Pasolini". Porto, Editorial Inova, 1977.

"Epitáfios de Agosto". Porto, Editorial Inova, 1978.

"Pintores e Poetas Portugueses", vol.II, 2ª série. Lisboa, Altamira, 1985.

B) De Prosa:

"Júlio Resende entre a Angústia e a Esperança". Porto, O Oiro do Dia, 1981.

"A Domingos Peres das Eiras, com umas violetas". Porto, Fundação Eng.º António de Almeida, 1986.

(Edição trilingue: português, inglês e francês).

 

Traduções

"García Lorca, Antologia Poética". Coimbra, Coimbra Editora, 1946.

"Federico García Lorca, Amor de Dom Perlimplim com Belisa em Seu Jardim". Lisboa, Delfos, 1961.

"Cartas Portuguesas Atribuídas a Mariana Alcoforado". Porto, Editorial Inova, 1969.

(Edição bilingue).

"Poemas e Fragmentos de Safo". Porto, Limiar, 1974.

"Dez Poemas de García Lorca". Porto, Editorial Inova, 1978.

"Doze Poemas de Yannis Ritsos". Porto, Editorial Inova, 1978.

"Trocar de Rosa". Lisboa, A Regra do Jogo, 1980.

"Pequeno Retábulo de S.Cristóvão", de Federico García Lorca. Porto, O Oiro do Dia, 1980.

 

Antologias de Textos de diversos Autores

"Daqui Houve Nome Portugal". Porto, Editorial Inova, 1968.

"Memórias de Alegria". Porto, Editorial Inova, 1971.

"Duas Cidades". Porto, Editorial Inova, 1971.

"Versos e Alguma Prosa de Luís de Camões". Porto, Editorial Inova, 1972.

"Variações sobre um Corpo". Porto, Editorial Inova, 1972.

"O Poeta e a Cidade". Porto, Editorial Nova, 1972.

"Alentejo Não Tem Sombra". Porto, O Oiro do Dia, 1982.

"Eros de Passagem. Poesia Erótica Contemporânea". Porto, Limiar, 1982.

"Escrito na Cal." Porto, ed.da Câmara Municipal de Portel, 1984.

 

Obras Traduzidas

Alemanha:

"Die weibe Stute", in "Dichter Europas erzählen Kindern". Trad. de Helmut Frielinghaus, Colónia, Midlhauve, 1972.

Ex-Checoslováquia:

"Portugalski Kvartet" (Jorge de Sena, Mário Cesariny de Vasconcelos, Eugénio de Andrade, Herberto Hélder). Trad. de Mirko Tomasovic, Zagreb, Znanje Zagreb, 1984.

Espanha:

"Antología Poética 1940-1980". Versão de Ángel Crespo, Barcelona, Plaza & Janes, 1981.

"Escritura de la Tierra", III. Trad. de José Luís García Martín, in "Fin de Siglo", nº8, Jerez de la Frontera, 1984.

"Memoria d'Outru Riu". Trad. (em bable) de António García, Oviedo, Libros de Frou, 1985.

"Blanco en lo Blanco". Trad. de Fidel Villar Ribot, Granada, Editorial D.Quijote, 1985.

"Vertientes de la Mirada y Otros Poemas en Prosa". Trad. de Ángel Crespo, Madrid, Ediciones Júcar, 1987.

"Ostinato Rigore". Trad. de Manuel Guerrero, pref. de Eduardo Lourenço, Barcelona, Ediciones de Mall, 1987.

"Matéria Solar". Trad. (em catalão) de Vicente Berenguer, Valência, Gregal Llibres, 1987.

"Contra la Escuridade". Trad. (em bable) de Antonio García, Oviedo, Academia de Língua Asturiana, 1987.

Estados Unidos:

"Inhabited Heart: The Select Poems of Eugénio de Andrade". Trad. de Alexis Levitin, Van Nuys, Califórnia, Perivale Press, 1985.

"White on White". Trad. de Alexis Levitin, in "Quaterly Review of Literature", Princeton, New Jersey.

"Memory of Another River". Trad. de Alexis Levitin, St. Paul, Minnesota, New Rivers Press, 1988.

"The Slopes of a Gaze". Trad. de Alexis Levitin, Plattsburgh, New York, Apalachee Press, 1992.

(Edição bilingue: português e inglês).

França:

"Vingt-sept Poèmes d'Eugénio de Andrade". Trad. e impressão de Michel Chandeigne, Paris, 1983.

"Une Grande, Une Immense Fidélité". Trad. de Christian Auscher, Paris, Chandeigne, 1983.

"Matière Solaire". Trad. de Mª Antónia Câmara Manuel, Michel Chandeigne e Patrick Quiller, Paris, La Différence, 1987.

"Les Poids de l'Ombre". Trad. de Mª Antónia Câmara Manuel, Michel Chandeigne e Patrick Quiller, Paris, La Différence,1987.

Itália:

"Ostinato Rigore, Antologia Poetica". Trad. de Carlo Vittorio Cattaneo, Roma, Edizioni Abete, 1975.

"Memoria d'un Altro Fiume". Trad. de Carlo Vittorio Cattaneo, Luxemburgo, Éditions Internationales Euroeditor, 1984.

México:

"Brevisima Antología". Trad. de A. Ruy Sánchez, México, Universidad Nacional Autónoma, 1981.

Ex-URSS:

"Poesia Portuguesa Contemporânea": José Gomes Ferreira, Jorge de Sena, Carlos Oliveira e Eugénio de Andrade. Trad. de Elena Riáuzova, Moscovo, Editorial Progress, 1980.

Venezuela:

"Blanco no Blanco". Trad. de Francisco Rivera, Caracas, Fundarte, 1987.

Portugal:

"Ostinato Rigore", edição bilingue (português e francês), com traduções de Bruno Tolentino e de Robert Quemserat, Porto, Editorial Inova, 1971.

"Escrita da Terra e Outros Epitáfios", edição bilingue (português e italiano), com traduções de Vottorio Cattaneo, Porto, Editorial Inova, 1974.

"Changer de Rose, Poèmes de Eugénio de Andrade traduits em espagnol, français, italien, anglais et alemand." Trad. de Ángel Crespo, Xosé Lois García, Pilar Vásques Cuesta, Armand Guibert, Robert Quemserat, Isabel Magalhães, Sophia de Mello Breyner e Guillevic, Bruno Tolentino, Carlo Vittorio Cattaneo, Guiseppe Tavani, Luciana Stegagno Picchio, Jonathan Griffin, Jean R. Longland, Mário Cláudio e Michel Gordon Lloyd, Erwin Walter Palm, Curt Meyer-Clason, Porto, Editorial Inova, 1978.

 

Edições Especiais

"30 Poemas, Poemas, Poèmes, Poems"

(entre muitas outras)

[ CITI ]