Composições da juventude

No "período da juvenília", segundo as palavras do Autor, prevalece um certo tom melancólico, soturno. Trata-se de uma fase em que se regista um corte abrupto relativamente a uma educação religiosa, baseada em valores tradicionais, que entram em confronto com as novas influências que fertilizam o solo cultural coimbrão e que incluem nomes como Michelet, Proudhon e Hegel.

[ CITI ]