António Sérgio

António Sérgio de Sousa nasceu em Damão (Índia Portuguesa) em 1883. É depois de 1910 que, demitindo-se de oficial da Marinha, e entrando no grupo da "Renascença Portuguesa", se orienta para aquilo a que chama de "reforma da mentalidade". As suas 1ªs preocupações são pedagógicas, publicando "O Problema da Cultura", "O Ensino como Factor de Ressurgimento", "A Educação Profissional", "Considerações Histórico-Pedagógicas", etc. Entra em conflito, no entanto, com Pascoaes, acabando por abandonar a "Renascença". Colabora então na "Seara Nova" e "Lusitânea", defendendo a sua tese de "reforma da mentalidade" (textos que irão incluir a sua longa obra "Ensaios").

Paralelamente a estes trabalhos, o autor deu-nos também uma série de estudos variadíssimos que vão desde estudos históricos da vida portuguesa até à análise de problemas económicos - combinado tudo ainda com longa série de traduções de obras para a adolescência, de preparações escolares de textos clássicos, de prefaciações a obras importantes, etc.

(COELHO, Jacinto do Prado, Dicionário de Literatura, Figueirinhas, Porto, 4ªed., 1992, vol.4, pp.1015-1016)

[ CITI ]