Humanismo

O Humanismo foi um movimento espiritual que constituiu a base ideológica do Renascimento europeu. Caracterizou-se pela redescoberta e revalorização do património cultural da antiguidade greco-latina e também pela tentativa de solucionar os grandes problemas do homem a partir de uma reinterpretação da civilização cristã. Este movimento foi favorecido pelo contributo dos Árabes, através de Espanha e pela vinda para a Itália dos representantes culturais emigrados de Bizâncio, profundos conhecedores do mundo grego. A revitalização do mundo clássico ganhou corpo como uma atitude filosófico-científica a partir do tratamento esmerado das fontes literárias, seguido de uma imitação selectiva e crítica dos clássicos. Paralelamente desenvolveram-se tentativas para libertar o indivíduo das rígidas normas do cristianismo medieval, acompanhadas de um novo interesse pela natureza e pela afirmação do eu como centro coordenador do Universo. O Humanismo favoreceu, em sentido amplo, o desenvolvimento de uma atitude científica livre de directrizes teológicas, que estimulou todas as áreas do pensamento.

Para além de Sá de Miranda como percursor do movimento humanista na literatura portuguesa, é de realçar também o nome de Henrique Caiado.

[ CITI ]