João Gaspar Simões

Romancista, dramaturgo e biógrafo, João Gaspar Simões é sobretudo conhecido como crítico literário. Nasceu na Figueira da Foz a 25 de Fevereiro de 1903 e morreu em Janeiro de 1987

Matriculou-se na Faculdade de Direito de Coimbra em 1921, interrompeu por várias vezes o curso, que só concluiu no ano de 1932.

Fundador de algumas revistas literárias de grande importância no panorama artístico português, João Gaspar Simões colabora com Branquinho da Fonseca no lançamento da revista "Tríptico". De parceria com José Régio e Branquinho da Fonseca funda a revista "Presença" (1927).

Bibliotecário da Biblioteca da Imprensa Nacional desde 1935, fundou e dirigiu, na sua 1ª fase, a Portugália Editora; e preparou para a imprensa, com Luís de Montalvor, a edição dos primeiros 4 volumes das "Obras Completas" de Fernando Pessoa.

«Temas» foi o seu primeiro livro de ensaios, publicados na "Presença", em 1929.O primeiro romance data de 1932 - "Elói ou o romance numa cabeça" e com ele obteve o Prémio da Imprensa. Igualmente premiada foi a sua biografia "Eça de Queirós, o Homem e o Artista" (1945). Crítico assíduo de jornais, criou nessa actividade grandes inimizades que se foram diluindo no tempo. Hoje, a obra crítica de Gaspar Simões é olhada com a consideração de quem admira o espírito enciclopédico do Autor e a pertinência de alguns dos seus julgamentos.

Outras obras suas, para além das mencionadas, são: Romance - "Uma História de Providência", "Pântano", "Amigos Sinceros", "O Marido Fiel", "Internato"; Teatro - "O Vestido de Noiva", "Teatro", "Marcha Nupcial"; Ensaio - ""Novos Temas", "Velhos Temas", "O Mistério da Poesia", "A Arte de escrever romances", "António Nobre, precursor da Poesia Moderna", "Vida e Obra de Fernando Pessoa", "Garret, vida e obra", "Eça de Queirós, a obra e o homem", "Antero de Quental, vida e obra", "Júlio Dinis, a Obra e o Homem", "Camilo Pessanha, a Obra e o Homem"; crítica - "Crítica" (4 vols.), "História da Literatura: História da Poesia Portuguesa" (3 vols.), "História do Movimento da Presença", "50 anos de Poesia Portuguesa", "História do Romance Português" (3 vols.).

[ CITI ]